Como comprar carro usado e antigo sem perder dinheiro – Dicas de especialistas!

Olhando para soltar algum dinheiro em um doce ’68 Mustang que alguém está vendendo? Ele pode ser um louco de barganha, ou pode vir a ser um colossal desperdício de dinheiro. A menos que você saiba o que está fazendo, não há apenas nenhuma maneira de dizer.

Vê Ferrugem? Fuja!

A maneira mais fácil de evitar problemas é olhar para a coisa marrom. A ferrugem é uma assassina. Quando o carro está com ferrugem você nunca mais conseguirá restaurá-lo, mesmo que seja possível os painéis  e outros tipos de problemas nunca ficarão com a cara original.  Principalmente se o problema de ferrugem for grave. Se for somente algumas bolhas internas não se preocupe, é consertável.

Confira os números

Os números de chassi e de documentos a ser apresentado pelo Renavam do veículo é muito importante. Com ele o motor, transmissão e o eixo traseiro serão garantidos que não foi roubado e de que está completamente dentro da lei. É comum que carros mais antigos sofram com problemas relacionados a esse tipo de situação. Previna-se.

Se você não está morrendo de vontade de dirigi-lo, não o toque

A estratégia fundamental para saber se vale mesmo a pena comprar o carro é avaliar a sua vontade de dirigir. Se é tentador  e te faz ter muita curiosidade então compre o que você gosta. Carros somente para ficar dentro da garagem geralmente costumam gerar arrependimentos futuros.

Faça sua lição de casa

Consulte a tabela fipe de carros do veículo e coloque tudo na ponta do lápis. Assim você verá se realmente vale a pena comprar o carro e se o preço avaliado pelo vendedor está de acordo com as avaliações gerais de instituições sérias.  Lembre-se que artigos especiais podem encarecer o carro, isso é normal, e você precisa estar preparado para saber avaliar se as alterações valem o que o dono fala.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *